Como acessar o REGEDIT de um computador que não inicializar o SO

Quem nunca precisou exportar algumas chaves de registro para outra máquina? E se a máquina na qual você precisa fazer o backup/exportação das chaves não estiver inicializando? Bem, aí é simples :). Abaixo, mostramos como é possível realizar esse processo de forma bastante simples.

Confira o passo a passo para acessar o REGEDIT de uma máquina que não inicializa o sistema operacional (SO).

Se você estiver com o HD da máquina que não inicializa em mãos, siga o procedimento abaixo:

  1. Abra o "regedit.exe". Para fazer isso, pressione as teclas "Windows + R" no teclado, digite "regedit" no campo "Executar" e pressione "Enter".
  2. No regedit, clique no menu "Arquivo" e selecione a opção "Carregar Hive". Isso permitirá que você carregue uma chave de registro de outro usuário ou de um disco rígido externo.
  3. Navegue até o disco rígido (HD) que contém as chaves de registro que você deseja exportar. Geralmente, o disco rígido é designado pela letra "C:".
  4. Encontre a pasta que corresponde à conta de usuário específica cujas chaves você deseja exportar. As pastas de usuário estão localizadas em "C:\Usuários". Selecione a pasta correta.
  5. Dentro da pasta do usuário, você encontrará um arquivo chamado "ntuser.dat". Selecione esse arquivo e clique em "Abrir". O arquivo "ntuser.dat" contém as chaves de registro relacionadas ao usuário selecionado.
  6. Agora, você verá uma caixa de diálogo solicitando que você forneça um nome para a chave que está sendo carregada. Dê um nome descritivo, pois esse nome será usado dentro do regedit para identificar a chave.
  7. Após carregar a chave, você verá uma nova seção no regedit com o nome que você escolheu para a chave. Navegue pelas pastas e subchaves até encontrar a chave específica que deseja exportar.
  8. Clique com o botão direito na chave que deseja exportar e escolha a opção "Exportar". Isso abrirá uma janela para salvar o arquivo de exportação.
  9. Escolha um local para salvar o arquivo de exportação, forneça um nome para o arquivo (por exemplo, exemplo.reg) e selecione o formato de arquivo "Arquivo de Registro do Windows (* .reg)".
  10. Clique em "Salvar" para exportar a chave de registro selecionada. Agora você terá um arquivo .reg que contém as informações da chave que você pode importar em outra máquina.

Dessa forma, você terá exportado a chave de registro desejada. Lembre-se de que essa abordagem é útil quando você tem acesso ao disco rígido da máquina ou pode carregar o arquivo "ntuser.dat" de um backup.

Para restaurar (importar) em outra máquina, basta clicar duas vezes no arquivo "exemplo.reg" e pronto! As fontes de dados de usuários e do sistema serão instaladas e configuradas com sucesso.

Se você não estiver com o disco rígido (HD) em mãos ou não quiser removê-lo da máquina, você pode acessar o REGEDIT pela rede e repetir os passos acima.


Como acessar o REGEDIT de uma máquina remotamente na rede:

Agora, sobre como acessar o REGEDIT de uma máquina remotamente na rede, é necessário que os computadores estejam na mesma rede. O processo também é muito simples:

  1. Abra o REGEDIT.
  2. Clique no menu "Arquivo" e escolha a opção "Conectar Registro da Rede...".
  3. No campo "Digite o nome do objeto a ser selecionado", insira o nome do computador que você deseja acessar. Assim que você fizer isso, o REGEDIT da máquina remota será carregado abaixo do REGEDIT do seu computador local. Agora, você pode:
  4. Navegar até a chave que deseja exportar.
  5. Em seguida, clique no menu "Arquivo" e selecione a opção "Exportar" - dê um nome para a chave que deseja exportar. Depois disso, clique em "Salvar".

Para restaurar a chave em outro computador:

  1. Vá para o outro computador no qual você deseja restaurar essa chave.
  2. Abra o REGEDIT, clique no menu "Arquivo" e escolha a opção "Importar".
  3. Selecione a chave que você acabou de exportar/fazer backup e importe-a.

Outra forma muito simples é dar um clique duplo no arquivo exportado e ele será restaurado automaticamente.

 

Comentários

LEIA-ME

Desenvolver ferramentas e scripts que facilitem o seu trabalho diário, solucionar problemas e documentar tudo, criando passo a passos detalhados de como resolvê-los, é uma tarefa que requer tempo e dedicação. Por esse motivo, contamos com a sua contribuição.

Sua doação não é obrigatória, mas é muito importante para que possamos continuar mantendo o DicasQueFunfa funcionando e desenvolvendo soluções úteis para você.



Mais