Mostrando postagens com marcador Raspberry Pi. Mostrar todas as postagens

UFPB Cria Respirador Pulmonar Orçado em R$ 400 e tem licença liberada para produção por empresas

O respirador pulmonar da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), orçado em R$ 400 e 37 vezes mais barato do que o disponível no mercado, tem licença liberada para produção por empresas.
 

O ventilador pulmonar desenvolvido na UFPB faz uso da tecnologia touch-screen, é equipado com sistema multibiométrico e tem conectividade wireless. Assim, é possível acessá-lo, monitorá-lo e operá-lo em tempo real, remotamente, por meio de aplicativo em dispositivos móveis como Smartphone, permitindo tratar casos graves de Covid-19 com monitoramento remoto, evitando o contágio.
O equipamento também é de rápida montagem e programação, sendo possível operá-lo em 60 segundos. Outro detalhe é que ele não é um respirador de emergência, podendo ser usado indefinidamente, ou seja, um substituto aos convencionais comercializados atualmente.


Adaptação do texto: Ascom/UFPB
Outras fontes: DPI/INOVA-UFPB
Nenhum comentário:

Performance/Qualidade-Raspberry-Thin Client

Raspberry Pi como Thin Client


Atenção!

Esse trabalho está em andamento, em qualquer momento podemos fazer atualizações ou alterações neste documento.Recomendamos que você faça um acompanhamento diário. E se você tiver alguma dica, contribua comentando no final desse post.

Se você estiver utilizando o Raspberry Pi como um cliente Thin Client e está querendo melhorar o seu desempenho, veio no local certo!!

O objetivo desse estudo é melhorar a performance do Raspberry Pi, como um cliente Thin Client, para acesso a máquinas remotas Windows via protocolo RDP. Para isso, realizamos um estudo onde foi levado em consideração Performance e Qualidade na visualização (imagem, fonte vídeo, áudio...)

Procuramos configurar o Raspberry Pi de uma forma que o cliente tenha a impressão de estar em sua própria máquina, fisicamente. As configurações abaixo, podem melhorar em até 70% a performance e qualidade do thin cliente.

A etapa de configuração será dividida em duas partes: Configurando Ambiente Windows e Configurando o Raspberry Pi como Thin Client


Os nossos testes foram realizados com o Raspberry Pi 2B acessando remotamente via RDP um cliente com SO Windows 7 e outro com Windows 10.

Configuração do Raspberry Pi 2 B:
·         CPU: 900MHz
·         Memória RAM: 1GB
·         Fonte de alimentção 5V/2A
·         Ethernet 10/100 (RJ45)
·         Cartão MicroSD Classe 4 (aconselhável classe 10, melhor desempenho)

Configurando Ambiente Windows

Nesta etapa será realizado algumas configurações que são de grande importância para o nosso objetivo: Configurando máquina Windows para realizar conexão RDP, alterando o algoritmo de compressão e configurando melhorias para conexões RDP no Windows.

1. Clicar no menu Iniciar e pesquisar por gpedit.msc e clicar com o lado direito do mouse e escolher a opção Executar como administrador

2. Navegar para Configuração do Computador, Modelos Administrativos, Componentes do Windows, Serviços de Área de Trabalho Remotas e Host de Sessão da Área de Trabalho Remota


3. Configure os itens desejados ou siga o modelo de configurações das imagens abaixo:

4. Em alguns casos, você pode escolher o melhor parâmetro que se adequar a suas necessidades 
 5. Aqui, configuramos o algoritmo de compactação de RDP para Otimizado para usar menos memória. Configure ao seu modo.
 6. Nesta etapa, damos prioridade o modo Otimizar para escalabilidade do servidor

Será necessário realizar mais algumas configurações no Windows, como habilitar o Acesso Remoto e desabilitarauto-tuning TCP.


Habilitar o Acesso Remoto no Windows


1.      Abrir Prompt de Comando como Administrador;
2.      No Prompt de Comando, entre com os seguintes parâmetros:

reg add "HKEY_LOCAL_MACHINE\SYSTEM\CurrentControlSet\Control\Terminal Server" /t REG_DWORD /v "fDenyTSConnections" /d 0 /f {Enter}

reg add "HKEY_LOCAL_MACHINE\SYSTEM\CurrentControlSet\Control\Terminal Server\WinStations\RDP-Tcp" /t REG_DWORD /v "UserAuthentication" /d 0 /f {Enter}

fDenyTSConnections Habilita(0) ou Desabilita(1) o RDP do Windows
UserAuthenticationDefine se o modo de autenticação será em nível de rede ou não. Para máquinas, principalmente distro Linux, que não estão no AD realizar uma conexão RDP, o valor deve ficar como “0”.


Habilitar o auto-tuning TCP


      1.      Abrir Prompt de Comando como Administrador;
      2.      No Prompt de Comando, entre com os seguintes parâmetros:

netsh interface tcp set global autotuning=disabled {Enter}

Para verificar se foi desabilitado: netsh interface tcp show global

Caso queira reativá-lo: netsh interface tcp set global autotuning=normal

Configurando o Raspberry Pi

Estamos considerando que você já tem uma imagem instalada no seu Raspberry Pi.

Instalar o cliente FreeRDP

1.      Abrir o terminar e entrar com os seguintes parâmetros:

sudo apt-get update
sudo apt-get install freerdp-x11-dbg

Assim que o pacote for instalado, realize um teste no terminal com o seguinte parâmetro:
xfreerdp -sec-nla /v:NomeDoComputadorRemoto

O parâmetro -sec-nla, serve para evitar que seja solicitado suas credências ainda no terminal, o /v: é onde dever ser informado o nome da máquina remota

Para consultar uma lista completa de todos os parâmetros, digite no terminal xfreerdp --help

Parâmetros do FreeRDP Testado

Testamos uma grande maioria dos parâmetros do xfrerrdp que listamos abaixo o que tivemos um melhor resultado.

Parâmetros que testamos e tivemos um melhor desempenho e qualidade: 

xfreerdp +fonts -sec-nla --rfx-mode:video --nsc /jpeg-quality:82% --disable-wallpaper --disable-full-window-drag /cert-ignore -x l /gdi:hw --yes-osb --yes-bmp-cache /sound:sys:alsa  -- /f /w:1920 /h:1080  /v:NomeDoComputador

Script para automatizar conexão

Se quiser automatizar sua conexão, é só criar um arquivo com os seguintes parâmetros:


#!/bin/bash
echo "  ____     ___    _____           _____    ____
 |  _ \   / _ \  |  ___|         |_   _|  / ___|
 | | | | | | | | | |_     _____    | |   | |  
 | |_| | | |_| | |  _|   |_____|   | |   | |___
 |____/   \__\_\ |_|               |_|    \____|
                                                "
echo "DicasQueFunfa - Thin Client"
echo ""
check_process() {
  echo "$ts: checking $1"
  [ "$1" = "" ]  && return 0
  [ `pgrep -n $1` ] && return 1 || return 0
}

while [ 1 ]; do
  # timestamp
        ts=`date +%T`
        echo "  _   _    ___    __  __   _____     ____     ___      ____     ____    
 | \ | |  / _ \  |  \/  | | ____|   |  _ \   / _ \    |  _ \   / ___|  _
 |  \| | | | | | | |\/| | |  _|     | | | | | | | |   | |_) | | |     (_)
 | |\  | | |_| | | |  | | | |___    | |_| | | |_| |   |  __/  | |___   _
 |_| \_|  \___/  |_|  |_| |_____|   |____/   \___/    |_|      \____| (_)
                                                                         "
        read host;
        xfree="xfreerdp +fonts -sec-nla --rfx-mode:video --nsc /jpeg-quality:82% --disable-wallpaper --disable-full-window-drag /cert-ignore -x l /gdi:hw --yes-osb --yes-bmp-cache /sound:sys:alsa /f /v:$host"
        echo "$ts: begin checking..."
        check_process "xfreerdp"
  [ $? -eq 0 ] && echo "$ts: not running, restarting..." && `$xfree`
  sleep 5
done

Lembre de alterar a permissão do arquivo. Exemplo, caso você tenha criado um arquivo com o nome AutoRunRDP, abra o terminar e escreva

chmod +x AutoRunRDP


Lembrando que esse trabalho está em andamento, em qualquer momento podemos fazer atualizações ou alterações neste documento. 
Um comentário:

Raspberry Pi-Instalação da Imagem do Sistema Operacional

INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO DE IMAGENS DO SISTEMA OPERACIONAL

Máquinas com SO Windows

1. Insira um cartão SD de 4 GB ou maior em seu computador.
2. Formate o cartão SD usando o software SDFormatter (clicar em Accept para baixar a ferramenta):
3. Instalar e executar a ferramenta de formatação em sua máquina
4. Set "ajuste de tamanho FORMATO" para "ON" no menu "Opções"
5. Verificar se o cartão SD inserido corresponde aquele selecionado pela ferramenta e clicar no botão "Format"

Mac

  1. Baixar ferramenta de formatação SDFormatter;
  2. Instalar e executar a ferramenta de formatação em sua máquina
  3. Selecione "Format Sobreposição"
  4. Verificar se o cartão SD inserido corresponde aquele selecionado pela ferramenta e clicar no botão "Format"

Linux

1. Recomendamos o uso de gparted (ou a versão de linha de comando parted)
2. Formatar todo o disco como FAT

Copiar os arquivos de instalação para o SD

1. Baixe o NOOBS
2. Extrair os arquivos contidos no NOOBS_vX_X_X.zip (O X corresponde ao número da versão exe: NOOBS_v1_9_0.zip).
3. Copiar os arquivos extraídos para o cartão SD que você acabou de formatar (os arquivos dever ficar no diretório raiz do cartão SD)
5. Insira o cartão SD no seu Pi e ligue a fonte de alimentação.
6. O Pi irá inicializar com o NOOBS e está disponível uma lista de sistemas operacionais que você pode escolher para instalar.
7. Escolher a versão deseja e seguir as instruções na tela

Se você ainda assimestiver com alguma dúvida, faça um comentário ou visite os Fóruns do Raspberry Pi para o apoio. Nenhum comentário:

Proxy Raspberry

1. Abrir o terminal e navegar para a pasta: /etc/apt/apt.conf.d (Exe: cd etc/apt/apt.conf.d)

2. Em seguida, criar o arquivo 10proxy (Exe: nano 10proxy)

4. Agora adicione:
Acquire::http::Proxy "http://username:password@proxy_server_address:port";

5. Salvar e sair

Para testar, ainda no terminal, sudo apt-get update Nenhum comentário:

Raspberry Pi Zero US$ 5

Foi anunciado hoje (26/11) pela Raspberry Foundation a chegada do novo modelo do Raspberry Pi, denominado Raspberry Pi Zero.
O que chama muito atenção é o seu tamanho que foi reduzido mais ainda e o valor que agora é apenas US$ 5 (ou R$ 18). Apesar do seu tamanho reduzido, ele é 40% mais rápido do que a Pi 1.


Especificações técnicas


  • 1Ghz - Broadcom BCM2835 ARM11 (40% mais rápido do que a Pi 1)
  • 512 MB de SDRAM LPDDR2
  • Cartão micro-SD
  • mini-HDMI (capaz de distribuir vídeo a 1080p e 60 quadros por segundo)
  • 2 Micro-USB para dados e energia
  • GPIO de 40 pinosPinagem semelhante aos modelos A + / B + / 2B


Vale a pena comprar o Raspberry Pi Zero? Aí vai depender da forma que você pretende utilizá-lo. O Pi Zero é mais direcionada para projetos de automação. 

Sua nova interface GPIO de 40 pinos foi alterada, agora, você agora vai precisar soldar os conectores nos contatos. Essa foi uma das soluções adotada com o objetivo de reduzir os custos e as dimensões do Raspberry Pi Zero.

Mais detalhes Raspberrypi.org
Nenhum comentário:

Como Instalar o Windows 10 no Raspberry Pi 2



Alguns meses atrás eu escrevi uma série de quatro posts sobre Windows 10 IoT no Raspberry Pi:

Nesse post vamos lhe mostrar, mais uma vez, como instalar o novo Windows 10 IoT. Você vai ver que as coisas mudaram um pouco, pra melhor :), para instalar a imagem Windows 10 IoL no cartão SD e subir no Raspberry Pi 2.

Como Baixar e Instalar o Windows 10 IoT no Raspberry Pi2


1. Faça o download da imagem IOT Core RPi.ISO Aqui;
2. Assim que o download for concluído, extraia o ISO;
3. Você vai ver um arquivo Windows_10_IoT_Core_RPi2.msi dê um duplo clique no arquivo para instalar;
4. Aceite o contrato de licença e clique em Instalar.



Aguarde a conclusão. 

Depois de concluído, você vai encontrar o arquivo fflash.ffu na pasta C:\Program Files (x86)\Microsoft IoT\FFU\RaspberryPi2, é esse arquivo que será carregado no cartão SD




Instalando a imagem do Windows 10 loT para o cartão SD
Antes de copiar a imagem para o cartão SD, você precisa identificar o número do seu SD. Para isso, siga as orientações abaixo:

1. Abra o Prompt de Comando como Administrador e execute os seguintes comandos:

Diskpart {Enter}

list disk {Enter}

exit {Enter}

Você pode, então, encontrar o número da unidade para o seu Cartão SD - no meu exemplo abaixo é disco 1

Ok, no passo seguinte, você vai aplicar a imagem no seu cartão SD. Para isso, há duas maneira que você pode usar para aplicar a imagem no cartão SD. A primeira é como o DISM e a segunda utilizado a ferramenta WindowsIoTImageHelper.
  • Se for utilizar o DISM use o seguinte comando como administrado:

dism.exe /Apply-Image /ImageFile:flash.ffu /ApplyDrive:\\.\PhysicalDriveN /SkipPlatformCheck
Não esqueça de substituir o PhysicalDriveN com o valor que você encontrou na etapa anterior, por exemplo, se o seu cartão SD é o número de disco 1, você deve escrever /ApplyDrive:\\.\ PhysicalDrive1.



  • Se for utilizar a ferramenta WindowsIoTImageHelper
1. Basta pesquisar no Menu Inciar por: "WindowsIoTImageHelper"



2. Selecionar a unidade do seu cartão SD e em seguida, navegue até o arquivo flash.ffu na pasta C:\Arquivos de Programas (x86)\Microsoft IoT\FFU\RaspberryPi2;

3. Clicar Flash para imagem;


4. Clicar em Continuar para apagar qualquer conteúdo no disco;


Em seguida será aberto um prompt de comando executando o comando DISM para você.

Aguarde a finalização do processo e em seguida 

Inicialize o Raspberry Pi

Se você seguiu os passos acima corretamente, já pode inserir o micro SD no seu Raspberry PI 2 e ligar seu RPI2 e aguardar o Windows 10 loT inicializar.
Na primeira inicialização será exibido uma janela para configurar o idioma. Você vai precisar de um teclado e mouse conectado à porta USB do Raspberry Pi.

Selecione seu idioma e clique em Avançar.


Em seguida, será exibindo a tela do Windows 10 IoT 


Essa nova versão vem com um menu básico com algumas opções de configurações. 
Agora já é possivel configurar o modo WiFi do seu adaptador WiFi USB.


Configure o Raspberry Pi
Agora que o Pi 2 está instalado e funcionando, é hora de fazer algumas configurações:

Nenhum comentário:

Como se conectar ao Raspberry PI 2 com o Windows 10 IoT Core via PowerShell e configurá-lo

Raspberry PI 2 com o Windows 10 IoT Core
Como se conectar ao Raspberry PI 2 com o Windows 10 IoT Core via PowerShell e configurá-lo?
Até a data de criação deste documento, só é possível acessar o Windows 10 IoT Core no Raspberry PI 2 usando o PowerShell. O acesso, direto do Raspberry, com o mouse e teclado é possível configurar apenas as opções regionais, Idioma/país/fuso horário.

TIPOS DE ACESSO AO WINDOWS 10 IOT CORE NO RASPBERRY PI 2
Para acessar o Windows 10 IoT Core, afim de configurar e gerenciar seus recursos, será necessário a utilização do Windows PowerShell ou o Visual Studio 2015. Com o Visual Studio é possível executar Apps direto no Raspberry. 
  
Como é possível acessar ou executar Apps no meu Raspberry PI 2 com o Windows 10?
Usando o PowerShell – Você consegue manipular completamente seu SO e via Visual Studio 2015 -  Os Apps são executados direto no Raspberry PI 2.
Nos próximos passos, você vai aprender todas as etapas para configurar, administrar e executar programas direto no seu Raspberry Pi 2.
Usando o PowerShell para Administração Remota e Configuração
O Windows 10 IoT Core Insider Preview é uma imagem voltada para o Raspberry Pi2 e você só vai conseguir configurá-lo ou gerencia-lo remotamente usando o PowerShell. 
O PowerShell é um shell de linha de comando (parecido com o Prompt de Comandos) e linguagem de scripts baseada em tarefas. Ele foi projetado especialmente para a administração do sistema.

Iniciando uma sessão via PowerShell (PS) Session

Para iniciar uma sessão PS com o seu dispositivo Windows IoT Core, você precisa primeiro criar uma relação de confiança entre o PC host e o dispositivo. Seguir os passos abaixo:
1.   Depois de inicializar o dispositivo, seu você estiver com o cabo de rede conectado e funcional, um endereço IP será mostrado na tela, vide exemplo abaixo, anote o IP.

2.   Abra o PowerShell como Administrador, para isso, você deve pesquisar por “PowerShell” e em seguida clicar com o lado direito do mouse e selecionar a opção “Executar como Administrador 

Antes de prosseguirmos, será necessário executar algumas ações no console afim e evitar um problema já conhecido no PS que pode causar uma StackOverflowException na máquina do cliente e o problema de relação de confiança. Para isso execute no os seguintes comandos no console:
Ø Digite o seguinte comando no console do PowerShell para a relação de confiança:
Set-Item WSMan:\localhost\Client\TrustedHosts -Value 10.0.0.16
Pressione S para confirmar a alteração e lembre de substituir o IP 10.0.0.16 com o IP do seu dispositivo.

Ø O próximo comando vai resolver o problema do StackOverflowException
remove-module psreadline -force

Tudo resolvido; agora você já pode iniciar uma sessão.

·        Iniciando uma sessão com Windows 10  IoT

Enter-pssession -ComputerName 10.0.0.16 -Credential Administrator
Substituir o IP 10.0.0.16 com o IP do seu dispositivo. A senha padrão é: p@ssw0rd

·        Alterar a senha padrão
user Administrator NovaSenha

O parâmetro NovaSenha representa a nova sanha que você criar

·        Caso você queira alterando o nome do computador execute os comandos

setcomputername NovoNomeDoComputador

O parâmetro NovoNomeDoComputador representa o novo nome para o seu dispositivo. Depois de mudar o nome, você preciso reiniciar o dispositivo com o comando:

shutdown /r /t 0

O parâmetro /r reinicia e o /t 0 determina o tempo para o dispositivo reiniciar.

Abaixo você pode conferir uma lista de comandos que pode ser executado para realizar várias tarefas no seu dispositivo.

Lista de tarefas e configurações que podem ser usados pelo PowerShell

·        Alterar a senha da conta

user Administrator NovaSenha

·        Criar contas de usuário local
Net user NomeDoNovoUsuario NovaSenha

Se você deseja criar outras contas de usuários, basta executar o comando acima. Se você quiser adicionar esse usuário em grupos, como o grupo de administradores, utilize o comando Net localgroup Administradores NomeDoUsuario /add  

·        Consulta e alterar o nome do dispositivo

Hostname

setcomputername NovoNomeDoComputador

Para identificar o nome do dispositivo atual, basta digitar Hostname.
Para alterar o nome do seu dispositivo no Windows, execute o comando setcomputername NovoNomeDoComputador. 
Você precisar reiniciar seu dispositivo para aplicar as alterações.

·        Configuração básica de rede
Abaixo você vai conferir muitos dos utilitários de configuração de rede que estão disponíveis no Windows IoT Core: ping.exe,netstat.exe,netsh.exe, ipconfig.exe, nslookup.exe, tracert.exe, arp.exe
·        Utilitários de Cópia
A Microsoft está disponibilizando as ferramentas já conhecidas, incluindo sfpcopy.exe e o xcopy.exe.
·        Gerenciando de tarefas e Processos
Para visualizar os processos em execução, você pode tentar quer Get-Process ou tlist.exe. Para encerrar um processo em execução, basta executar o kill.exe [PID do processo ou o nome]. 

·        Definir um App na inicialização do SO
Para inicializar algum App durante a inicialização do Sistema, use o editor de inicialização startup.exe. Para ver todos os aplicativos que estão inicializando com SO, digite startup.exe /d.

Para adicionar um aplicativo para no Boot execute, startup.exe /a [Name] [Command].
Para mais ajuda sobre o editor de inicialização, execute startup.exe /?

·        Tipos de inicialização Headless vs. headed
O Windows IoT pode ser inicializado no mode Headless e Headed. No modo Headless, ele não carrega sua tela padrão, esse modo é útil quando não se faz necessário a exibição de tela. E o modo Headed, que é padrão, carrega a inicialização normal e exibe a tela padrão do Windows IoT. Para alterar essa configuração, use o setbootoption.exe [headed ou headless].

·        Agendador de tarefas
Para ver a lista atual de tarefas agendadas, use o comando schtasks.exe /?. Você pode criar novas tarefas com o /create.

Lista de parƒmetros:

/Create         Cria uma nova tarefa agendada.
/Delete         Exclui a(s) tarefa(s) agendada(s).
/Query          Exibe toda(s) a(s) tarefa(s) agendada(s).
/Change         Altera as propriedades de uma tarefa agendada.
/Run            Executa a tarefa agendada por demanda.
/End            Interrompe a tarefa agendada que estão em execução no momento.
/ShowSid        Mostra o identificador de segurança que corresponde a um nome de tarefa agendada.



·        Drivers do dispositivo:
O utilitário, devcon.exe, é útil para identificar e gerenciar dispositivos e drivers instalados. Para obter uma lista completa de parâmetros, utilize devcon.exe /?

·        Regedit - Acesso ao Registro
Se você precisar acessar o Registro do Windows, afim de exibir ou modificar as configurações, utilize o comando reg.exe. Vide uma lista completa dos parâmetros suportados:

Operação     [ QUERY   | ADD    | DELETE  | COPY    |

              SAVE    | LOAD   | UNLOAD  | RESTORE |

              COMPARE | EXPORT | IMPORT ]  | FLAGS ]



Código de retorno: (Exceto REG COMPARE)
  0 - bem-sucedido  1 - falha
Para obter ajuda sobre um tipo específico de operação execute:

  REG QUERY /?
  REG ADD /?
  REG DELETE /?
  REG COPY /?
  REG SAVE /?
  REG RESTORE /?
  REG LOAD /?
  REG UNLOAD /?
  REG COMPARE /?
  REG EXPORT /?
  REG IMPORT /?


·        Gerenciador de Serviços
O gerenciamento dos serviços do Windows pode ser realizado através do comando net.exe. Para você visualizar uma lista de serviços em execução, execute o comando net start. Para iniciar ou parar um serviço específico, o comando é net [start | stop] [service name]. 
Outra alternativa é o Gerenciador de Controle de Serviços sc.exe.
Descrição:
O SC é um programa de linha de comando usado para comunicação com o
Gerenciador de Controle de Serviços e os serviços.


·        Configuração de Boot
Você pode fazer alterações na configuração de Boot/inicialização do seu dispositivo Windows IoT usando o comando bcdedit.exe. Por exemplo, você pode habilitar o testsigning com o comando bcdedit –set testsigning.

·        Desligar ou Reiniciar seu dispositivo
Para desligar o dispositivo, digite shutdown / s / t 0 . Para reiniciar o dispositivo, use o / r comutador vez com o comando shutdown / r / t 0.

Marcadores

3G Modem Access Acesso Remoto ACT Active Directory ADOBE Adware Agendador de Tarefas Android Android Studio Antivírus App Apple AppXPackage Área de Trabalho Remota Atalhos de teclado AutoCAD BIOS Bitcoin Boa Dica Boot BSOD CentOS Certificação Cisco Citrix CLARO CMD CMS Codec Compatibilidade Concurso CorelDRAW CSS Curiosidade Curso Grátis Database Debian Desenvolvimento Dica Dicas Windows 8 Download Driver DUMP eBooks Excel Facebook Ferramentas Firefox Flash Flutter FTP Game Good tip Google Google Chrome Google Cloud HP HTML HTML5 Hype-V IBM Sametime Impressora Internet Internet Explorer iOS iPad iPhone ISO ITIL Java Kali Linux KB keyboard shortcuts Kindle Leitora Biométrica LibreOffice Linux Lotus Notes MAC (Media Access Control) MAC OS X Malwares MariaDB Microsoft Edge Microsoft Teams Modem Modem 3G Mozilla Firefox MSI MSTSC MySQL Notebook Notícias ODBC Office 2003 Office 2007 Office 2010 Office 2013 Office 2016 Outlook Papel de Parede PC PHP Plugin PowerPoint PowerShell Proxy Raspberry Pi RDP Redes Regedit Reset Roteador Ruby On Rails Scanner Segurança de TI Senha Smartphone Software Soluções SQL SERVER 2005 SSD Switch Tablet Thin Client Ubuntu Utilitários VBScript vCurso vDica video VMware Player WhatsApp Windows Windows 10 Windows 10 Education Windows 10 Enterprise Windows 10 Home Windows 10 IoT Windows 10 Pro Windows 7 Windows 7 Enterprise Windows 7 Home Basic Windows 7 Home Premium Windows 7 Starter Edition Windows 7 Ultimate Windows 8 Windows 8.1 Windows Phone Windows Preview Windows Server 2008 Windows Server 2012 Windows To Go Windows Update Windows Vista Windows XP Wireless WMI Word WordPress